Gabigol, Neymar, Rodrygo, Robinho: muito dinheiro, negociações e contratos milionários.

A base do Santos segue revelando alguns dos principais jogadores brasileiros – e entrando uma bela grana para os cofres santistas

Publicado por: em 5 de abril de 2020 - 20:43

Ver Perfil

Celeiro

Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

A fábrica de craques da Vila Belmiro é uma das mais conhecidas do mundo, e nos últimos anos serviu muito bem à causa santista. Seja dentro de campo ou no aspecto financeiro.

Desde Robinho e Diego, passando por Neymar e Gabigol, mas incluindo um total de 172 garotos, o Santos recebeu mais de R$ 530 milhões.

Os valores são creditados a uma pesquisa feita pelo UOL, que levou em conta apenas os valores que o Santos teve direito em cada negócio.

Confira, abaixo, os jogadores de base que o Santos negociou neste Século XXI.

Rodrygo

Rodrygo Real Madrid 2019-20
Rodrygo Real Madrid 2019-20 (Foto: Getty Images)

O jovem atacante, hoje no Real Madrid e vencedor da edição 2020 do prêmio NxGn, é a maior venda oficial do Santos. Os Blancos pagaram R$ 193 milhões, sendo que R$ 172 milhões foram para o Santos.

Gabigol

Gabigol Inter
Gabigol Inter (Foto: Getty Images)

Hoje ídolo no Flamengo, Gabigol foi negociado em 2016 com a Inter de Milão. O clube italiano pagou o equivalente a R$ 100 milhões, sendo que o Peixe lucrou R$ 65 milhões.

Neymar

Neymar Barcelona 2013
Neymar Barcelona 2013

Os valores da venda de Neymar para o Barcelona, em 2013, rendem polêmicas até hoje. Oficialmente, ao menos até o momento, a negociação girou no equivalente a R$ 72 milhões, com R$ 50 milhões destinados ao Santos.

Outras vendas no Século

Robinho (Real Madrid): R$ 71 milhões

Thiago Maia (Lille): R$ 51 milhões (R$ 31 milhões ao Santos)

Geuvânio (Tianjin): R$ 48 milhões (R$ 33 milhões ao Santos)

Diego (Porto): R$ 30 milhões (R$ 15 milhões ao Santos)

Ganso (São Paulo): R$ 24 milhões

Felipe Anderson (Lazio): R$ 23 milhões (R$ 11,5 milhões ao Santos)

Wesley (Werder Bremen): R$ 22,5 milhões (R$ 8 milhões ao Santos)

André (Dínamo de Kiev): R$ 17,7 milhões (R$ 8,8 milhões ao Santos)

Rafael Cabral (Napoli): R$ 16 milhões (R$ 11 milhões ao Santos)

Alan Patrick (Shakhtar): R$ 13,8 milhões (R$ 6,9 milhões ao Santos)

Serginho (Kashima): R$ 7,7 milhões

Emerson Palmieri (Roma): R$ 7,5 milhões

Leonardo (Shakhtar): R$ 4,2 milhões

Paulo Ricardo (Sion): R$ 1,8 milhão

Caju (Braga): R$ 1,4 milhão

Adriano Pagode (Grêmio): R$ 800 mil

Thiago Carleto (Valência): R$ 500 mil

Da redação do Portal de Esportes com informações do Yahoo Esportes.