Imprensa espanhola revela interesse do Real Madrid em Igor Gomes: ‘Novo Kaká’

Meia de 21 anos é o atleta mais valorizado do São Paulo. Mas o clube tem planos para Igor agora em 2020.

Publicado por: em 29 de março de 2020 - 14:43

Ver Perfil

Troca-se

Foto: AMANDA PEROBELLI / REUTERS

O São Paulo não esconde que precisará vender algum jogador no meio da temporada para aliviar a situação financeira. Igor Gomes é, após a venda de Antony para o Ajax (o atacante se apresenta em 1º de julho na Holanda), o mais valorizado do elenco. É muito provável que cheguem propostas oficiais por ele, mas o Tricolor tentará mantê-lo no Brasil pelo menos até o fim da temporada mesmo se fechar negócio.

– Acho que (a venda do) Antony representa um caminho até o meio do ano, quando nós vamos precisar fazer algum movimento, com certeza com jogadores. Talvez esse jogador saia no meio do ano ou talvez a gente vá conseguir segurar por mais tempo, mas o time não vai ser desmontado no meio do ano, como a gente viu antes – disse Alexandre Pássaro, gerente de futebol do São Paulo e principal responsável por esse tipo de negociação, à ESPN Brasil.

Igor Gomes tem contrato até março de 2023 e acaba de receber uma valorização salarial. A multa rescisória dele é a padrão para atletas de Cotia que sobem ao profissional com destaque: 50 milhões de euros.

Da redação do Portal de Esportes com informações do Lance!