Internacional joga vida na Libertadores nesta terça-feira contra Universidad do Chile

Colorado empatou o primeiro jogo no Chile e precisa de uma vitória simples.

Publicado por: em 11 de fevereiro de 2020 - 16:06

Ver Perfil

Decisão

Foto: Ricardo Duarte/Divulgação Inter

O Internacional entra em campo para jogar por todo o seu 2020 no decorrer de 90 minutos, a partir das 19h15 desta terça-feira (11). O Colorado recebe a Universidad de Chile no Beira-Rio em duelo decisivo pelo jogo da volta da segunda fase da Libertadores.

A competição continental é prioridade máxima da equipe na temporada e reflete diretamente nas metas esportivas e financeiras traçadas pela diretoria colorada. Uma eliminação prematura nesta terça-feira faz secar a fonte de receitas. Conforme a previsão orçamentária, a expectativa é receber um total de R$ 23 milhões chegando às quartas de final.

O favorito é todo da equipe gaúcha que empatou o primeiro jogo no Chile em 0 a 0 e precisa de uma vitória simples em casa, para avançar a terceira fase da Libertadores. O vencedor do confronto enfrentará o vencedor do duelo entre Tolima-COL e Macará-EQU que terminou com 1 a 0 para equipe colombiana fora de casa. A volta acontece nesta terça-feira (11) às 21h30 (horário de Brasília) na Colômbia.

Escalação provável do Inter: Marcelo Lomba; Rodinei, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Moisés; Musto, Edenílson, Patrick e Boschilia (Rodrigo Lindoso ou Thiago Galhardo); D’Alessandro e Paolo Guerrero.

Escalação provável da Universidad de Chile: De Paul (Cristóbal Campos); Matías Rodríguez, Carrasco, Del Pino e Beausejour; Cornejo, Espinoza, Moya e Aránguiz; Henríquez e Larrivey.

Esteban Ostojich apita a partida, auxiliado por Carlos Barrero e Horacio Ferreiro. O quarto árbitro é Andres Cunha. Todo o quadro vem do Uruguai.